Notícias - Geral

Obras nos calçamentos, limpeza das ruas e manutenção de estradas rurais estão na pauta de demandas urgentes dos vereador

Parlamentares afirmam que não têm retorno da administração municipal sobre a execução dos requerimentos e das indicações de serviços enviadas para beneficiar a população

star101

Por Silvia Goulart - ImppactMidia, fonte Câmara de Iúna
Publicado em 08/07/2019 as 18:59  •  atualizado há 19 horas

Ao longo do primeiro semestre deste ano, os parlamentares de Iúna enviaram ao Poder Executivo dezenas de requerimentos e indicações de melhorias na infraestrutura da cidade e do campo e também na prestação de serviços à população, mas relatam que não há retorno da administração municipal quanto à realização das demandas indicadas. Atualmente, os vereadores solicitam limpeza e reparação no calçamento de diversas ruas da cidade e também a manutenção de estradas rurais.

“É preciso reparos urgentes no calçamento da rua Francisco Augusto de Castro, próxima à unidade de saúde do Quilombo. São muitos os buracos no calçamento. Na Rua do Príncipe, em frente à unidade de saúde, também é preciso reparar o calçamento, porque abriu um buraco enorme na via. Foi feito um paliativo pela comunidade, mas não é suficiente”, indicou o vereador Darlan Barglini.

O vereador José Marcos de Moraes também solicitou limpeza das ruas da cidade: “Nossas ruas estão sujas. Essa administração lava as ruas principais do Centro da cidade, mas o restante das vias não recebe limpeza. Existem serviços pequenos que precisam ser feitos no município e estão esquecidos”.

A indicação de serviço também foi reforçada pelo vereador Arilson Oliveira. “Em Nossa Senhora das Graças é preciso realizar limpeza de bueiros e também fazer obras de calçamento na comunidade”, indicou.

Zona rural

“Na zona rural do município existem muitos proprietários que não têm ponte segura para trafegar. Parece-me que hoje só tem uma máquina funcionando para atender os serviços nas comunidades. Os agricultores precisam muito de boas estradas e pontes para escoar a safra do café”, pontuou o vereador Arilson Ferreira de Oliveira.

Meio ambiente

Já o vereador Marco Antônio Sonsim de Oliveira relatou que a margem do Rio Pardo ficou destruída após uma obra da Prefeitura. “Fico envergonhado de ver o que essa administração fez no trecho do Rio Pardo onde vão construir uma ponte novamente: derrubaram todas as árvores que a ONG Amigos do Verde plantou nos últimos anos. Nem ao menos informaram aos membros da entidade para que antes de iniciar as obras eles pudessem retirar as árvores e replantar em outros locais. Diferente disso, derrubaram as árvores e ainda jogaram montes de terra dentro do rio”, alertou o vereador Sonsim.

Vereadores sem respostas

Os vereadores Paulo Henrique Leocádio da Silva lamentou a falta de diálogo da Prefeitura com a Câmara de vereadores. “Tem muitos requerimentos e indicações que nunca foram respondidos para essa Câmara. O prazo para resposta aos nossos requerimentos é de 15 dias. A Lei Orgânica do município não é respeitada por essa administração”, avaliou.

Fotos

Obras nos calçamentos, limpeza das ruas e manutenção de estradas rurais estão na pauta de demandas urgentes dos vereador

Lixo nas ruas do município: Avenida Getúlio Vargas

https://w3go.me/cbjHK

Publicações relacionadas

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Em reunião, vereadores e secretaria de Educação analisam situação sobre a retomada do serviço de transporte escolar Durante conversa na Câmara Municipal, parlamentares solicitaram informações sobre a reposição das aulas perdidas pelos alunos no período da interrupção do serviço de transporte escolar no município há 12 dias  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Projeto autoriza contratação de engenheiro civil Profissionais serão contratados por tempo determinado de até 6 meses há 21 dias  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Parlamentares aprovam créditos adicionais de mais de R$ 1,8 milhão no orçamento municipal Recursos serão utilizados para aquisição de ambulância, de retroescavadeira, para reforma de unidade de saúde e para compra de equipamentos. Fatia maior é para pagamento de salários dos servidores há 21 dias  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Vereadores denunciam ao Ministério Público processo de licitação do transporte escolar Possível “sabotagem” em edital para licitação de transporte escolar foi o foco da ação junto ao MP há 21 dias  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Estudantes há um mês sem transporte para frequentar aulas Vereadores calcularam que mais de R$ 8 milhões deverão ser gastos este ano em contratos emergenciais para a realização do serviço de transporte dos estudantes há 24 dias  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Homenagens na Câmara Profissionais da saúde e evangelizadores são reconhecidos em evento na Casa de Leis há 1 mês  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Saúde: serviços de exames laboratoriais suspensos Vereadores investigaram e, desde maio, não há realização de exames no município devido à falta de verbas para a Saúde há 1 mês  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Mais áreas de lazer e esportes: vereadores solicitam reformas nos campos “Bom de Bola” Grades retorcidas e lixo nos espaços dos bairros Nossa Senhora da Penha (Pito) e Guanabara há 1 mês  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Parlamentares convidam população para participar das análises dos projetos A participação da população é importante para ampliar o diálogo e a divulgação de informações oficiais sobre as ações do Legislativo e do Executivo há 1 mês  •  Notícias - Geral

Parlamentares discutem sobre volta do transporte escolar

Noticia Emergência no transporte escolar: serviço suspenso e alunos da zona rural sem aulas Vereadores relembram discursos nos quais alertaram a administração sobre o risco de suspensão do serviço de transporte. Com o contrato emergencial, só no primeiro semestre já foram gastos R$ 5 milhões há 1 mês  •  Notícias - Geral

Aguarde, enviando dados!

clear