Notícias - Geral

Revisão salarial: projeto de Lei não foi enviado à Câmara

Servidores municipais aguardam revisão anual: data-base é no mês de janeiro e projeto do Executivo ainda não enviado para apreciação

1.000

Por Silvia Goulart - ImppactMidia, fonte Câmara de Iúna
Publicado em 25/04/2016 às 15:26  •  atualizado há 5 dias

Desde o início de abril, os parlamentares e os servidores públicos de Iúna aguardam o encaminhamento, avaliação e a votação do projeto de Lei de Revisão Geral Anual dos vencimentos. Mas até a sessão do dia 18 de abril, o Poder Executivo não havia encaminhado o projeto para apreciação da Câmara Municipal.

Os servidores reivindicam um reajuste salarial de 10,54%, índice medido pelo IGPM (Índice Geral de Preços do Mercado) no mês de janeiro - data-base da revisão.

De acordo com os vereadores, a Prefeitura alega que precisa avaliar o índice de revisão para não extrapolar o índice da folha de pessoal.

“O mais importante nesse momento é a revisão salarial. O projeto tem que vir para a Câmara. É para beneficiar a todos os funcionários da Prefeitura. O Executivo deve tomar providências imediatas para resolver a situação”, disse o Presidente da Câmara, Marquinho da Saúde.

Representantes do Sindicato dos Servidores públicos de Iúna e Irupi (Sindspii) vêm se reunindo com os gestores municipais desde o dia 06 de abril, mas não obtiveram resultados, e já realizaram manifestações pelas ruas da cidade. 

Revisão é direito do servidor

“A revisão salarial é um direito do servidor. Assim, não adianta o prefeito dizer que não pode dar revisão porque vai exonerar os cofres da Prefeitura. O que ele deveria fazer, ele não faz, que é cortar cargos comissionados. E ele não pode criar mais cargo, é Lei de Responsabilidade Fiscal, mas dar revisão ele pode, e deve”, analisou o vereador Rogério Cézar.

  

O vereador Expedito Vieira de Andrade Filho explicou que o índice da folha de pessoal há meses está acima do aconselhado pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

“Eu duvido muito que o Prefeito dará essa revisão. O município recebeu uma nova notificação do Tribunal de Contas, informando que o índice da folha de pagamentos com pessoal está acima do limite. Em dezembro fechou em 53,6% e o limite é de 51,3%. E o gestor não toma providência, pelo contrário, só vem enchendo a folha de cargo comissionado”, comentou o vereador Expedito.

Já o vereador Jonathan Bonfante explicou que o projeto deve ser encaminhado à Câmara em breve. “E os servidores podem ter certeza que o valor da revisão salarial vai vir retroativo”.

“Operação Tartaruga”

O Presidente do Sindicato, Júlio Cesar de Melo compareceu à sessão da Câmara no dia 18 de abril, na qual também estiveram presentes dezenas de servidores, mas o projeto não foi encaminhado para apreciação. Funcionários da Prefeitura iniciaram a “Operação Tartaruga” a partir do dia 20 de abril.

Fotos

Revisão salarial: projeto de Lei não foi enviado à Câmara

Servidores acompanham sessão da Câmara

https://camaraiuna.es.gov.br/noticia/2016/04/revisao-salarial-projeto-de-lei-nao-foi-enviado-a-camara.html

Publicações relacionadas

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Primeira etapa da Campanha contra o Sarampo começa na segunda-feira (10) A campanha é seletiva: com público-alvo definido pelo Ministério da Saúde para crianças de 5 a jovens de 19 anos há 8 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Vereadores solicitam da gestão municipal relatório sobre uso de veículos públicos fora do horário de expediente Parlamentares denunciam casos de condução de carros da administração sendo usados para fins particulares há 8 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Novas cobranças sobre as obras da Cesan Ruas do Centro de Iúna e de inúmeros bairros com tráfego intenso ficaram esburacadas após obras da empresa prestadora de serviços há 8 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Vereadores parabenizam professor premiado por desenvolver projeto de fossa ecológica Professor de história da EMEF Elza de Castro Scardini, em Iúna, Victor Silva Salaroli do Nascimento, conquistou a primeira colocação na categoria experiência pedagógica do Programa Agrinho há 8 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Aulas em escolas públicas de Iúna começarão no dia 10 de fevereiro O início do ano letivo nas escolas das redes estadual e municipal foram adiadas. Muitas estradas foram prejudicadas com quedas de barreiras, dificultando a logística do transporte de estudantes há 8 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Prazo para eleitor regularizar título termina em maio Quem não estiver em dia com documento, não poderá votar nas eleições há 9 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Sem planejamento para nova contratação, serviço de transporte escolar volta a preocupar os parlamentares de Iúna Vereadores afirmam que ainda não há andamento do processo de contratação do serviço para o ano letivo de 2020 e solicitam reunião com gestores responsáveis há 10 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Parlamentares fiscalizarão pátio de veículos da administração municipal Ação visa realizar um levantamento no número da frota de veículos públicos, assim como avaliar a situação de funcionamento de cada automóvel, van, ônibus, caminhão e trator há 10 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Aprovado bônus assiduidade para professores municipais de Iúna Vereadores também inseriram emenda ao Projeto de Lei Complementar que modifica o Estatuto e o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração dos Profissionais da Educação e concede bônus aos professores há 10 meses  •  Notícias - Geral

Campanha de vacinação contra o sarampo

Noticia Saúde: campanha busca imunizar mais de 9 milhões de jovens contra o sarampo Foco da 2ª fase da campanha, que vai até o dia 30 de novembro, é a população com idade entre 20 e 29 anos há 11 meses  •  Notícias - Geral

Aguarde, enviando dados!

clear